PREVISÃO DO TEMPO

 

Friburguense volta a participar da Copa Rio e estreia em julho

Caminho mais curto para as competições nacionais, a Copa Rio volta a ter o Tricolor da Serra que não havia participado da edição passada, por conta de uma mudança de regulamento que reduziu o número de equipes.
 
Para este ano, a Federação de Futebol do Rio (FERJ) manteve o formato de mata-mata pelo segundo ano consecutivo, mas com uma maior quantidade de times, totalizando 25 clubes.
 
O Friburguense vai enfrentar o Maricá, em partidas que acontecem nos dias 25 de julho e 1º de agosto, e decide a vaga em casa para enfrentar o Bangu nas oitavas de final.
 
São seis participantes da Série A, oito da Série B1, oito da B2 e três da Série C, respeitando a ordem de classificação no respectivo Estadual do ano passado.
 
Não podem jogar clubes que já tenham vaga em divisões nacionais de 2018.
 
Na primeira fase, uma espécie de "pré-Copa Rio", com o segundo e o terceiro da Série C do ano passado (Campos e 7 de Abril).
 
Depois, ingressam sete times da B1 e mais sete da B2.
 
Os vencedores vão para as oitavas-de-final, onde encontram os seis times da Série A, Goytacaz e Angra (campeões em 2017).
 
Todos os jogos serão em mata-mata, ida e volta, sem a regra do gol marcado fora de casa.
 
O campeão escolhe entre Série D do Brasileirão ou Copa do Brasil no próximo ano.
 
Na última sexta-feira, 11, o Friburguense recebeu o Serra Macaense, no Eduardo Guinle, para uma espécie de ensaio final para o jogo de estreia no Campeonato Carioca da Série B1.
 
Em jogo bastante movimentado, o Tricolor da Serra empatou por 3x3 com a equipe de Macaé, tendo como destaque os dois gols marcados por Dedé.
 
O outro gol foi anotado por Marcos André
 
O Friburguense entra na reta final de preparação esta semana, e estreia no Estadual no próximo sábado, 19, quando encara o Audax, no Rio de Janeiro.

Município ganha mais uma Academia da Terceira Idade

O equipamento, localizado na Avenida Galdino do Valle Filho, em frente à Igreja Luterana, no Paissandu, é inaugurada nesta segunda-feira.
 
O projeto é uma parceria entre a Secretaria de Esportes com uma empresa de planos de saúde, que doou todo o material utilizado e os equipamentos.
 
A obra da Academia ficou sob responsabilidade da Prefeitura.
 
No total seis aparelhos foram instalados no local, e os equipamentos que já existiam foram recuperados.
 
Também vai ser implantado, após a inauguração do espaço, um bicicletário e feitas marcações de sinalizações, de 100 em 100 metros, ao longo da avenida.
 

Friburguense e Sampaio Correa empatam jogo-treino em 2x2

A partida aconteceu na tarde do último sábado, 5, no Eduardo Guinle.
 
O Tricolor da Serra dominou as ações no primeiro tempo, e abriu 2x0 em apenas 16 minutos, com gols dos atacantes Dedé e Lohan, cobrando pênalti.
 
O time visitante diminuiu no último lance da etapa inicial, com Roberto Junior, e empatou com dois minutos do segundo tempo, através de Léo Guerreiro.
 
Os técnicos Cadão e Antonio Carlos Roy promoveram diversas alterações, e o jogo caiu de ritmo.
 
Na avaliação de Sergio Gomes, o teste foi positivo, contra um dos adversários mais complicados que a equipe vai enfrentar na Série B1.
 
O lateral, no entanto, chama a atenção para os gols sofridos pelo alto, e aposta na semana de treinos para corrigir os erros.
 
O Friburguense trabalha durante toda essa semana, e na sexta-feira, 11, faz amistoso contra o Serra Macaense.
 
A partida, adiada há duas semanas, acontece ás 15h, no Eduardo Guinle.
 
O Tricolor da Serra estreia no Estadual no próximo dia 19, contra o Audax, fora de casa.

Cadão é confirmado como novo técnico do Friburguense

Aos 46 anos, o zagueiro que há 22 defende o Tricolor da Serra, não atua desde janeiro do ano passado, quando sofreu fraturas na tíbia e na fíbula da perna direita.
 
Cadão chegou a retomar os treinos, mas decidiu deixar os gramados em comum acordo com a diretoria do clube.
 
Formado em educação física, fez vários cursos, e foi integrado à comissão técnica da equipe no início da preparação para a Série B1 Estadual.
 
A direção tricolor, agora, confirma o ex-capitão como técnico do Friburguense para a temporada.
 
Cadão lembra a trajetória dele fora dos gramados, e ressalta que ele e os jogadores já se conhecem há bastante tempo, o que pode facilitar o trabalho.
 
Em pouco mais de 900 partidas oficiais registradas na história do Friburguense, Cadão atuou em 412.
 
Natural de Três Rios, está em Nova Friburgo há 22 anos.
 
É o segundo maior artilheiro da história do clube, com 41 gols, atrás apenas de Ziquinha.
 
Jogou 17 Estaduais da Primeira Divisão, dois da Segunda, nove Copas Rio, cinco edições da Série C do Brasileiro e outras duas da Série D pelo clube.

Jogo-treino entre Friburguense o Serra Macaense é adiado

A partida amistosa aconteceria na tarde da última sexta-feira, 27, no Eduardo Guinle, mas o ônibus do time de Macaé teve problemas mecânicos na estrada, e a partida não aconteceu.
 
No primeiro encontro, o Tricolor da Serra havia vencido o mesmo adversário, em Macaé, pelo placar de 1x0.
 
O Friburguense vai ter novos testes antes da estreia na Série B Estadual, dia 19 de maio, contra o Audax, fora de casa.
 
O próximo amistoso acontece sábado que vem, 5, contra o Sampaio Correa, no Eduardo Guinle.
 
Ainda durante a preparação, o Friburguense venceu o Canto do Rio por 3x0, em jogo-treino realizado em Nova Friburgo.
 
Além deste, o Tricolor da Serra enfrentou o Macaé, com uma equipe formada por jovens da base e jogadores em período de experiência, e acabou derrotado por 4x0.

Michel Teló - Chocolate quente

João Bosco e Vinícius - Deixa a gente quieto

Melanina Carioca Part. Matheus e Kauan - Vai que cola

Thiaguinho - Vamo que vamo

Maria Cecília e Rodolfo - Depois da briga

Nando Reis - Sei

Maiara e Maraísa - Medo bobo

Wesley Safadão Part. Ivete Sangalo - Parece que o vento

Zé Neto e Cristiano - Sonha comigo

Exaltasamba - O mundo tá girando