Docentes da UERJ decidem manter greve

Em assembleia realizada na tarde desta quinta-feira, os profissionais da Universidade do Estado do Rio (Uerj) decidiram por manter a paralisação que começou no dia 1º de agosto.
 
A assembleia foi realizada para deliberar o fim da paralisação em função do pagamento dos salários atrasados.
 
Segundo a Associação dos Docentes da Uerj (Asduerj), não há qualquer garantia de que os pagamentos vão ser feitos de forma regular a partir de agora.
 
Outro ponto questionável é a falta de previsão sobre a quitação do 13º salário de 2016, que segue pendente.
 
Também ficou definida a realização de um ato conjunto, na próxima quarta-feira, em defesa das universidades estaduais.
 
Uma nova assembleia foi marcada para quinta-feira, dia 24, para avaliar o resultado da reunião.

Estado quita salários de maio, junho e julho

Os vencimentos pendentes de maio, junho e julho foram depositados nesta quarta-feira, 16, para todos os servidores ativos, inativos e pensionistas que ainda não tinham recebido integralmente.
 
Na segunda-feira tiveram início os pagamentos totais de R$ 60 milhões às bolsas de estudo, referentes aos meses de maio, junho e julho.
 
O total depositado pelo Estado nesta semana, referente aos salários dos servidores ativos, inativos e pensionistas e às bolsas, é de 1,9 bilhão.
 
Os depósitos dos salários estavam previstos para a próxima sexta-feira (18) e foram antecipados para segunda (14) e terça-feira (15).
 
De acordo com o contrato assinado, na última sexta-feira (11), semana com o Bradesco, novo gestor da folha de pagamento do funcionalismo, o banco teria cinco dias úteis para depositar R$ 1,3 bilhão referente à venda.
 
Por solicitação do governo, a data foi antecipada.

Estado registra 12 mil novos casos de tuberculose por ano

De acordo com dados da saúde Estadual, foram registrados cerca de 15 mil casos da doença e deste total, 12 mil novos registros em 2016.
 
Outro dado preocupante é o número de pessoas que concluem o tratamento: apenas 11,4%.
 
De acordo com a OMS, o ideal é que a taxa seja de, no máximo, 5%.
 
Um dos principais sintomas da tuberculose é a tosse seca ou contínua, no início da doença.
 
É preciso ficar alerta ao apresentar esse sintoma por duas semanas ou mais.
 
Outros sinais frequentes são: cansaço excessivo, febre baixa, geralmente no final da tarde, suor noturno, dor no tórax, falta de apetite, emagrecimento, fraqueza e prostração, podendo ainda ocorrer escarro com sangue.
 
O tratamento deve ser feito por um período mínimo de seis meses, sem interrupção.
 
Geralmente, os pacientes que seguem as orientações médicas até o final são curados.
 
Depois de 15 dias usando a medicação, os pacientes deixam de ser transmissores da doença, mas para evitar uma recaída é essencial que o tratamento seja realizado sem interrupções e pelo período estabelecido pelo médico.
 
A interrupção do tratamento pode levar a recaídas da doença.
 
Para prevenir as formas graves da doença, como a meningite, por exemplo, é necessário imunizar as crianças obrigatoriamente, no primeiro ano de vida ou no máximo até cinco anos, com a vacina BCG.
 
A rotina de exames e controle das taxas também é importante na prevenção de doenças.
 

Metade do salário dos servidores estaduais poderá ser depositada hoje (14)

O governo do Rio promete depositar, nesta segunda-feira, a outra metade do salário de julho dos servidores ativos, aposentados e pensionistas vinculados à Segurança Pública.
 
Na última sexta-feira, dia 11, o governador Luiz Fernando Pezão decidiu antecipar 50% do vencimento aos servidores.
 
Como hoje é o décimo dia útil do mês, os salários vão ser pagos no prazo máximo estabelecido pelo governo.
 
Ainda hoje pode ser definido como e quando, o estado vai creditar o que deve dos salários de maio, junho e julho para boa parte dos funcionários públicos.
 
Mais de 118 mil servidores ainda não receberam o vencimento de maio por completo.
 
O governo promete utilizar o valor recebido do Bradesco, de R$ 1,3 bilhão, após a venda da operação da folha de pagamento do estado, para quitar a dívida.
 
O governo trabalha para pagar tudo até sexta-feira, mas há a possibilidade de o pagamento acontecer já nesta terça-feira.

Estado paga R$1200 do salário de maio a servidores estaduais

Servidores do Estado que não receberam salário de maio vão ter até R$ 1.200 creditados nesta sexta
 
Esta parcela paga a ativos, inativos e pensionistas representa um total de R$ 150,8 milhões.
 
Com o pagamento, o Estado alcança 349.164 servidores que receberam integralmente os vencimentos de maio.
 
Falta o pagamento do referido mês para 118.171 ativos, inativos e pensionistas, em um total de R$ 267,2 milhões líquidos.
 
Este grupo recebeu R$ 550 no dia 14 de julho e os R$ 1.200 desta sexta-feira.
 
A Secretaria estadual de Fazenda informou que os recursos para pagamento dos servidores foram fruto de arrecadação do estado.
 
A Secretaria de Fazenda antecipa para esta sexta-feira, 11/08, antes do décimo dia útil, o pagamento integral de julho dos servidores ativos da Educação e do Degase, e 50% do salário dos servidores ativos, inativos e pensionistas da Segurança e Administração Penitenciária.
 
Os demais 50% dos vencimentos da Segurança são creditados na próxima segunda-feira, dia 14, décimo dia útil, conforme prevê o calendário oficial do Estado.

Michel Teló - Chocolate quente

João Bosco e Vinícius - Deixa a gente quieto

Melanina Carioca Part. Matheus e Kauan - Vai que cola

Thiaguinho - Vamo que vamo

Maria Cecília e Rodolfo - Depois da briga

Nando Reis - Sei

Maiara e Maraísa - Medo bobo

Wesley Safadão Part. Ivete Sangalo - Parece que o vento

Zé Neto e Cristiano - Sonha comigo

Exaltasamba - O mundo tá girando