PREVISÃO DO TEMPO

 

Correntistas da Caixa, nascidos em setembro, recebem hoje o abono do PIS

O depósito é feito na conta dos trabalhadores que possuem conta na Caixa Econômica.
 
Esse grupo recebe o abono salarial dois dias antes dos demais e, portanto, quem não é correntista do banco pode começar a sacar o dinheiro nesta quinta-feira (14).
 
O valor do abono varia de R$ 78 a R$ 937, dependendo do tempo em que a pessoa trabalhou formalmente em 2016.
 
Trabalhadores da iniciativa privada retiram o dinheiro na Caixa Econômica Federal, e os servidores públicos, no Banco do Brasil.
 
É preciso apresentar um documento de identificação e o número do PIS/Pasep.
 
Possui direito ao abono salarial quem recebeu, em média, até dois salários mínimos mensais com carteira assinada e exerceu atividade remunerada durante, pelo menos, 30 dias em 2016.
 
É preciso ainda estar inscrito no PIS/Pasep há pelo menos cinco anos e ter os dados atualizados pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais.
 
No Estado do Rio, mais de dois milhões de trabalhadores possuem direito ao benefício.

Ministério da Saúde anuncia fim do surto de febre amarela

Segundo a pasta, desde junho não há registro de novos casos.
 
Em Nova Friburgo houve um caso confirmado de morte por febre amarela, em agosto, onde a vítima teria contraído a doença em Casimiro de Abreu.
 
De acordo com dados do ministério da Saúde, foram registrados 777 casos e 261 mortes entre dezembro de 2016 e agosto de 2017.
 
Ainda, nesse período, 2.270 casos foram descartados e 213 ainda estão em investigação.
 
A pasta admite que ainda é necessário ampliar a cobertura vacinal em muitos estados, e, por esse motivo, o governo decidiu expandir a vacinação para crianças de nove meses em todo o país.
 
A medida deve entrar em vigor a partir de 2018, mas ainda não foi definido se a vacinação vai ocorrer em campanhas.
 
Para garantir a cobertura vacinal, o ministério da Saúde fez parceria com os municípios e administrou estoques de vacinas.
 
De acordo com o ministério da Saúde, foram investidos mais de R$ 66 milhões para controlar o surto.
 
Também foram distribuídas quase 37 milhões de doses extras ao longo deste ano.
 
A maior parte dos casos de Febre Amarela foi registrada na região Sudeste, com 764 casos confirmados.
 
A vacinação foi reforçada com 27,8 milhões de doses extras em cinco estados: Minas Gerais, Rio de Janeiro, São Paulo, Espírito Santo e Bahia.
 
O surto de febre amarela no Brasil, apesar de atingir regiões próximas de zonas urbanas de estados como Rio de Janeiro e São Paulo, foi classificado como silvestre pelo governo brasileiro.
 
Outro dado importante, segundo o ministério da saúde, é a queda de 81% nos casos de gripe no país.
 
Em 2017, foram registrados 2.070 casos e 361 mortes até 28 de agosto.
 
O vírus com maior circulação é o H3N2, enquanto em 2016 foi o H1N1.
 
Entre 17 de abril e 9 de junho, período da campanha de vacinação, 51,8 milhões de pessoas, ou 87,5% do público-alvo foram vacinadas.
 

Caixa Econômica Federal reduz limites de financiamento para imóveis novos

A taxa passa de 90% para 80% no caso dos imóveis novos, e de 70% para 60% para usados. 
 
A medida atinge empréstimos com recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), do programa “Minha casa, minha vida” e linhas Pró-Cotista e CCFGTS, e do Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimos (SBPE).
 
Os financiamentos via FGTS regulados, segundo a tabela do Sistema de Amortização Constante, caiu de 90% para 80% o limite para imóveis novos pelo Minha Casa, Minha Vida, Pró-Cotista e CCFGTS.
 
A Caixa detém quase 70% do financiamento imobiliário do país, com R$ 413 bilhões emprestados.

Bandeira das Contas de Luz é amarela em setembro

A confirmação é da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).
 
Com a melhora das condições hidrológicas, a cobrança fica mais barata, e a bandeira vermelha deixa de vigorar no próximo mês.
 
A mudança para a bandeira amarela significa R$ 2 de acréscimo a cada 100 kWh em consumo, em vez dos R$ 3 que estava sendo cobrado na tarifa vermelha.
 
A cor da bandeira tarifária representa o custo real da produção de energia elétrica no País e pretende estimular o consumo consciente.
 
Já para outubro as previsões não são otimistas.
 
De acordo com a Agência Nacional de Enegia Elétrica (Aneel), as contas de luz podem voltar a ter bandeira tarifária vermelha, o que eleva custos para os consumidores.
 
O sistema foi criado para recompor os gastos extras com a utilização de energia de usinas termelétricas, que é mais cara do que a de hidrelétricas.
 
Só não há custos extras nos casos de bandeira verde, acionada quando há folga na oferta de energia do sistema elétrico.
 
Segundo a Aneel, a bandeira tarifária não é um custo extra na conta de luz, mas uma forma diferente de apresentar um valor que já está na conta de energia, mas que geralmente passa despercebido.
 
As bandeiras sinalizam, mês a mês, o custo de geração da energia elétrica cobrada dos consumidores.

IBGE: Nova Friburgo mantém cerca de 185 mil habitantes

A estimativa é do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), divulgada nesta quarta-feira (30) no Diário Oficial da União, com data de referência em 1º de julho deste ano.
 
Em 2016, segundo o Instituto, Nova Friburgo contava com uma população estimada em 185.102, e este ano cresceu para 185.351.
 
Ou seja, houve um pequeno aumento de 0,15%.
 
Em relação a 2010, o município mantém o crescimento inferior a quatro mil pessoas, segundo dados oficiais do Instituto.
 
Na contramão, quase 25% das cidades tiveram as populações reduzidas entre 2016 e 2017.
 
Os números são bastante questionados pelo município, e há quem defenda que Nova Friburgo já possui mais de 200 mil habitantes.
 
O tamanho da população é utilizado como base para a quantidade de repasse de verbas que é destinada a cada município.
 
Na região, segundo o IBGE, Bom Jardim conta com 26.566 habitantes; Cantagalo, 19.697; Cordeiro, 21.250; Sumidouro, 15.191; Carmo, 18.264.
 
Macuco possui apenas 5.434, sendo o município com menos habitantes do Estado do Rio.
 
Referências ao lado Nova Friburgo, Teresópolis conta com 176.060, e Petrópolis 298.235 habitantes.
 
São Paulo continua sendo a cidade mais populosa do país, com 12,1 milhões de habitantes, seguido pelo Rio de Janeiro (6,5 milhões), Brasília e Salvador (cerca de 3,0 milhões de habitantes cada).
 
Apenas 17 dos 5.570 municípios brasileiros possuem população superior a 1 milhão, e no Rio de Janeiro, além da capital, somente São Gonçalo supera esse número.
 

Michel Teló - Chocolate quente

João Bosco e Vinícius - Deixa a gente quieto

Melanina Carioca Part. Matheus e Kauan - Vai que cola

Thiaguinho - Vamo que vamo

Maria Cecília e Rodolfo - Depois da briga

Nando Reis - Sei

Maiara e Maraísa - Medo bobo

Wesley Safadão Part. Ivete Sangalo - Parece que o vento

Zé Neto e Cristiano - Sonha comigo

Exaltasamba - O mundo tá girando